Conceito de agente etiológico


Mar 16, 17

O conceito de agente refere-se àquilo ou àquele que dispõe da capacidade de produzir alguma coisa ou de actuar. Etiológico, por sua vez, diz-e daquilo que está relacionado com a etiologia, isto é, a análise das causas ou das origens de coisas ou doenças.

Vistas estas ideias, podemos avançar com a definição de agente etiológico. Trata-se do elemento que propicia o desenvolvimento de uma doença. As bactérias e os vírus estão entre os agentes etiológicos mais comuns.

Vejamos o caso da raiva. Esta é uma doença viral e contagiosa que ataca o sistema nervoso central (SNC). Uma vez que o animal ou a pessoa contraem a raiva, começam a sofrer diversos transtornos, como paralisia, hiperactividade e tendências agressivas, até entrarem em estado de coma e, em geral, falecem devido a uma paragem cardo-respiratória ou por alguma infecção derivada do quadro geral. A causa desta doença é um vírus, conhecido simplesmente como o vírus da raiva. Pode-se dizer, por conseguinte, que o vírus da raiva é o agente etiológico que provoca esta doença contagiosa e geralmente mortal.

Esse vírus é o agente etiológico, pois impulsiona o desenvolvimento da doença. Por outras palavras, sem a infecção do organismo por parte do vírus da raiva, a irrupção da raiva não é possível. Por isso, a este vírus define-se-lo como sendo agente etiológico pelo facto de ser a origem ou a causa da doença. O mesmo acontece com outros vírus, que provocam outros transtornos.