Conceito de amostra




Nov 25, 11 Conceito de amostra

Uma amostra é uma parte ou uma porção de um produto que permite conhecer a qualidade do mesmo. Por exemplo: “Ontem, solicitei uma amostra do novo perfume que andam a publicitar na televisão”, “Pediram-me uma amostra do meu trabalho fotográfico para uma revista britânica”, “Agradecia que me arranjasse uma amostra deste tecido”.

À parte extraída de um conjunto que é considerada uma porção representativa do mesmo também se dá o nome de amostra: “86% dos Brasileiros aprovaram a gestão de Lula da Silva, de acordo com um inquérito realizado a uma amostra de 10.000 pessoas de diversas classes sociais”. A amostra estatística é o subconjunto dos indivíduos de uma população-alvo. Estas amostras permitem inferir as propriedades do total do conjunto.

Amostra é, por outro lado, o exemplar (ou padrão) que se deve copiar ou imitar: “Pedi aos meus alunos para que copiassem o desenho da amostra nos seus cadernos”, “Por favor, tenham em conta a amostra que lhes facultei quando forem a desenhar as maquetes”.

O indício ou sinal que demonstra algo e o signo convencional que denota o que se vende numa loja também são amostras: “Os insultos do treinador são uma amostra da violência social que existe no país”, “Não preciso de mais nenhuma amostra da tua parte, pois sei a que classe de pessoas tu pertences”.

Na arte, uma amostra é a exposição ou exibição num espaço físico onde são dados a conhecer objectos artísticos. Estas amostras podem apresentar pinturas (telas, quadros), esculturas, desenhos, etc.: “Ontem, visitei uma amostra de artistas africanos que me deixou encantada”.