Conceito de coaching




Mar 02, 12 Conceito de coaching

O coaching é um processo interactivo através do qual um coach (treinador/formador) presta assistência ao coachee (cliente que recebe o coaching/formando) de modo a obter o melhor de si mesmo. O coach ajuda a pessoa a alcançar determinados objectivos fixados, utilizando os seus próprios recursos e habilidades da forma mais eficaz.

O conceito provém do verbo inglês coach (“treinar”). O processo parte do princípio de que o coachee é quem tem mais e melhor informação na hora de resolver as situações com as quais se vê confrontado. Posto isto, o coach não ensina, mas ajuda antes o coachee a aprender por si mesmo.

O coaching requer cinco passos básicos: a observação (novos pontos de vista, análise de paradigmas, crenças e comportamentos), a consciencialização (reflexão sobre o poder da escolha e as suas consequências), a determinação dos objectivos (definir aquilo que se pretende alcançar), a actuação (com a informação já reunida, o coachee deve actuar de uma forma sustentada ao longo do tempo) e a medição (é necessário averiguar se o objectivo perseguido se aproxima ou se afasta daquilo que é pretendido; caso seja necessário, deve-se corrigir a actuação).

Das várias críticas apontadas ao coaching, destacaremos a ausência de uma metodologia definida (não havendo regulamentação académica nem certificações apropriadas, é frequente que muitos coaches não tenham a formação necessária) e a sua tendência para a sede de êxito (apenas tem em conta a sua capacidade de obter resultados, pelo que é considerado por alguns como sendo superficial e inútil a longo prazo).