Conceito de complemento


Mar 17, 14

Do latim complementum, complemento é aquilo que se acrescenta a algo com vista a melhorá-lo ou a torna-lo completo. O termo admite diversos usos conforme o contexto.

No âmbito da gramática, um complemento é uma série de constituintes sintácticos que são requeridos por um núcleo para esclarecer, precisar, ampliar ou completar o significado do sintagma que encabeçam. É possível distinguir os complementos do substantivo e os complementos do verbo.

“O encarregado chegará brevemente”, “Hoje, fiz uma sobremesa especial”, “O João comprou uma planta na feira” e “Lesionou-se gravemente” são exemplos de orações que incluem complementos sintácticos.

Para a informática, um complemento (ou uma extensão) é uma aplicação que lhe confere uma função nova e, de um modo geral, específica a um programa (software). É hábito os complementos (igualmente conhecidos como add-on) serem colaborações de desenvolvedores externos que melhoram as funções da aplicação principal. Exemplos: “Instalei um complemento ao meu navegador que traduz as páginas na hora”, “Precisas de um complemento para reproduzir esse tipo de arquivos”.

A biologia utiliza a noção de complemento (ou suplemento) em referência ao conjunto de proteínas plasmáticas que reagem em cascata para defender o organismo de um agente hostil. O sistema do complemento faz parte da resposta imunitária.

Em geometria, complemento é o ângulo que, somado com outro, completa um recto. Noutros termos, o complemento é a diferença existente entre um certo ângulo e um ângulo recto.

Os acessórios da indumentária, seja masculina ou feminina, também recebem o nome de complementos: “Já tenho o vestido para a festa de Sábado: agora, só me resta escolher alguns complementos”.