Conceito de contaminação


Nov 16, 11

A palavra contaminação deriva do latim contaminatĭo e diz respeito à acção e ao efeito de contaminar. Este verbo, por sua vez, é usado para fazer referência à alteração nociva da pureza ou das condições normais de uma coisa ou de um meio por agentes químicos ou físicos.

Contaminar, em sentido figurado, também significa alterar a forma de um vocábulo ou texto pela influência de outro; perverter e corromper a fé ou os costumes; e profanar ou infringir a lei de Deus.

A contaminação é a introdução num meio qualquer de um contaminante. O uso mais habitual do termo ocorre no âmbito da ecologia, principalmente quando se trata da contaminação ambiental, que é a presença no ambiente de qualquer agente (físico, químico ou biológico) em lugares, formas e concentrações que possam ser nocivos para a saúde, a segurança ou para o bem-estar da população.

A dinâmica dos contaminantes trata de estudar a acção destes agentes a partir do momento em que se produzem até à sua disposição final. Entre os fenómenos da dinâmica, mencionaremos a dispersão, a concentração, a transferência e a transformação.

Quanto à classificação da contaminação em função do meio afectado, pode-se falar da contaminação atmosférica, da contaminação da água, da contaminação do solo e da contaminação acústica, entre outras.

Por último, convém destacar que a classificação da contaminação em função do método contaminante ambiental pode ser química, radioactiva, térmica, electromagnética e microbiológica, por exemplo.