Conceito de devoção


Out 10, 13

Do latim devotĭo, devoção é o amor, o fervor e a veneração relacionados com a religião. O conceito faz referência à entrega total a uma experiência mística.

Exemplos: “A devoção popular a Santo Expedito não reconhece limites: as pessoas estão acampadas à porta da igreja há mais de uma semana”, “Nesta terra, há uma grande devoção à Santíssima Virgem”.

É considerado devoto aquele que se entrega a algum culto ou a alguma obra relacionada com Deus. Por isso, uma pessoa que tem fé e se consagra a um santo é considera sua devota: “A minha mãe é devota a São José”, “Centenas de devotos reuniram-se na paróquia para agradecer ao santo”.

Na Grécia Antiga, a devoção era uma forma de piedade dirigida aos pais. Com o tempo, por extensão deste significado, o conceito começou a ser usado em sentido religioso e para mencionar todo o tipo de prática piadosa não obrigatória.

Actualmente, a noção de devoção também é usada para se referir à inclinação e à admiração especial. Trata-se, neste caso, da atracção que exerce uma pessoa ou uma ideia sobre um sujeito: “A Marta tem devoção por Roberto Carlos: até já me disse que iria gastar todas as suas poupanças em bilhetes para o próximo concerto”, “O jovem actor gera devoção entre as adolescentes, que fazem qualquer coisa para o ter por perto”.