Conceito de ecologia




Out 25, 11 Conceito de ecologia

A ecologia encarrega-se de estudar a relação entre os seres vivos e o seu ambiente, entendido como a totalidade dos factores abióticos (como o clima e a geologia) e os factores bióticos (organismos que partilham o mesmo habitat). A ecologia analisa também a distribuição e a abundância dos seres vivos como resultado dessa relação.

O termo Ökologie data de 1866 e foi dado pelo biólogo e filósofo alemão Ernst Haeckel. A palavra é composta por dois vocábulos gregos: oikos (“casa”, “lar”) e logos (“estudo”). Por isso, a ecologia significa “o estudo dos lares (dos habitats, neste caso concreto) ”.

Quando começou a desenvolver os seus estudos, Haeckel referia-se à ecologia como sendo a ciência que estuda as relações dos seres vivos com o seu meio envolvente. No entanto, com o tempo, o conceito foi-se estendo até abarcar o estudo das características do meio, incluindo o transporte de matéria e energia e a sua transformação pelas comunidades biológicas.

Actualmente e, isto, há vários anos, a ecologia está bastante relacionada com um heterogéneo movimento político e social, que procura defender o meio ambiente. Os ecologistas realizam várias denúncias sociais, propõem a necessidade de reformas legais e promovem a conscientização social para alcançar o seu objectivo principal, que é a preservação da saúde do ser humano em equilíbrio com os ecossistemas naturais.

Por isso, o movimento ecologista (também conhecido como movimento verde ou ambientalista) foca-se em três grandes questões: a preservação e a regeneração dos recursos naturais; a preservação da vida selvagem e a redução da contaminação gerada pelo homem.