Conceito de escala




Dez 08, 11 Conceito de escala

O termo escala, que provém do latim scala, tem diversas acepções. Trata-se, por exemplo, da sucessão/sequência ordenada de valores de uma mesma qualidade. Por exemplo: “Na escala de cores, o cor-de-laranja aproxima-se mais do vermelho do que do verde”.

A escala é, por outro lado, uma linha recta (uma régua, por exemplo) que, dividida em partes iguais, permite representar metros, quilómetros ou outra unidade de medida. Estas escalas são utilizadas para traçar/esboçar distâncias e dimensões de maneira proporcional num plano ou mapa. Se, de acordo com a escala de um mapa, um centímetro equivaler a dez quilómetros reais, então a distância de 100 quilómetros deverá estar representada por 10 centímetros.

Escala também é a proporção ou a dimensão em que é desenvolvido(a) uma ideia ou um projecto: “Devemos realizar um investimento em grande escala para fazer chegar água corrente a todos os povos do Noroeste”.

Na física, a escala é uma graduação que acompanha diversos instrumentos de medida, isto é, que permitem medir uma grandeza. A escala de Richter e a escala de Mercalli, por exemplo, permitem classificar a magnitude de um terremoto ou de um sismo.

Dá-se o nome de escala musical aos sons consecutivos que se sucedem de forma regular em sentido ascendente ou descendente e que estão relacionados com uma única tonalidade, sendo esta a que dá o nome à escala. A sucessão dos sons tem lugar de acordo com as normas da tonalidade.

Por fim, também se chama escala à chegada de um avião (ou de um barco) para receber carga ou passageiros ou ainda para reabastecer, daí haver voos com escala, isto é, que não vão directamente para o seu destino.