Conceito de individualista




Jul 26, 13 Conceito de individualista

Individualista é uma pessoa propensa ao individualismo ou com essa tendência. O individualismo consiste no pensamento e na acção independentes, sem depender dos outros ou sem se sujeitar às normas gerais.

Como tendência filosófica, o individualismo defende a supremacia dos direitos individuais face aos direitos da sociedade e à autoridade do Estado.

O individualismo, por conseguinte, pode considerar-se como uma posição filosófica, moral ou política. Os individualistas procuram satisfazer os seus próprios objectivos com auto-suficiência e independência, opondo-se às intervenções externas nas suas opções pessoais. Por isso, estão contra a autoridade das instituições sobre a sua liberdade individual.

O indivíduo é o centro do individualismo, à semelhança do que acontece noutras doutrinas como o liberalismo ou o anarquismo. Pode traduzir-se numa ética da libertação e na auto-realização, mas também no egoísmo e na falta de solidariedade.

Pode considerar-se o individuo como a unidade elementar de um sistema. Cada individuo (unidade) é diferente e possui as suas próprias particularidades e capacidades.

Para o individualismo metodológico, todos os fenómenos sociais podem ser explicados a partir de elementos individuais. Noutros termos: as acções e as crenças dos indivíduos explicam a evolução da sociedade.

Na linguagem quotidiana, a pessoa considerada individualista costuma ser vista com maus olhos por se achar que ela só pensa em si mesma e que não se interessa pelos outros nem por aquilo que a rodeia: “Não acredito que consigas ser assim tão individualista e que tenhas gastado todas as nossas poupanças num objecto que só te agrada a ti!”, “É um jogador bastante habilidoso, mas é demasiado individualista”.