Conceito de número atómico




Dez 24, 11 Conceito de número atómico

Um átomo é a quantidade menor de um elemento químico com existência própria. Trata-se de uma unidade indivisível, formada por um núcleo com protões e neutrões e por vários electrões orbitais.

Os átomos de diferentes elementos apresentam diferentes números de protões. O número atómico (que se identifica com a letra Z, pelo termo alemão zahl) indica a quantidade de protões que está presente no núcleo de um átomo.

O número atómico define a configuração electrónica do átomo e permite ordenar os distintos elementos químicos na tabela periódica, que começa pelo hidrogénio (Z=1), seguindo-se o hélio, o lítio, o berílio, o boro, o carbono e o nitrogénio. É importante ter em conta que um átomo não alterado é electricamente neutro: portanto, o seu número atómico será sempre igual ao seu número de electrões.

Ainda que a tabela periódica dos elementos tende a ser associada a Dimitri Mendeleiev (por ter sido quem ordenou os elementos de acordo com a variação das propriedades químicas), quem levou mesmo a cabo a respectiva organização com base nas propriedades físicas dos átomos foi Julius Lothar Meyer.

Como já referido, o número de protões (expressado mediante o número atómico) é igual ao número de electrões. O número de massa (A), por sua vez, indica o número de partículas que um átomo apresenta no seu núcleo, isto é, representa a soma dos protões e dos neutrões. Posto isto, pode-se estabelecer a seguinte relação entre o número atómico e o número de massa: A=Z+N, em que N é o número de neutrões.