Conceito de nutrição




Set 24, 11 Conceito de nutrição

A palavra nutrição define-se como sendo a acção e o efeito de nutrir. Este verbo significa aumentar a substância do corpo animal ou vegetal através do alimento. Também significa aumentar ou dar novas forças em qualquer linha, especialmente na moral (nutrir/alimentar um projecto, um sonho, uma ideia, etc.).

Para a medicina, por outro lado, a nutrição é a preparação dos princípios activos que, quando devidamente combinados, potenciam as propriedades de um produto (um creme para o rosto, por exemplo) e o tornam mais eficaz.

Definitivamente, a nutrição é o processo biológico mediante o qual os organismos assimilam os alimentos e os líquidos necessários para o funcionamento, a manutenção e o crescimento das suas funções vitais. Por outro lado, dá-se o nome de nutrição ao estudo da relação entre os alimentos e a saúde.

Muitas vezes, os termos nutrição e alimentação são utilizados como sinónimos. No entanto, a nutrição relaciona-se com os nutrientes de que são compostos os alimentos e compreende uma série de fenómenos involuntários que têm lugar na sequência da ingestão dos alimentos.

Por sua vez, a alimentação refere-se ao conjunto de actos voluntários e conscientes que se prendem com a selecção, a preparação e a ingestão dos alimentos. Estes fenómenos estão associados ao meio sociocultural e económico.

Os especialistas fazem a distinção entre dois tipos de nutrição nos seres vivos. Por um lado, a nutrição autótrofa é aquela que produz o seu próprio alimento. Os seres autótrofos têm a capacidade de sintetizar substâncias essenciais para os seus metabolismos a partir de substâncias inorgânicas.

Por outro lado, a nutrição heterótrofa necessita de outros organismos para subsistir. Os organismos heterótrofos devem alimentar-se das substâncias orgânicas sintetizadas por outros organismos.