Conceito de périplo


Dez 01, 14

Um vocábulo em língua grega derivou no termo periplus, que se incorporou ao nosso idioma como périplo. Um périplo é uma travessia, um itinerário ou uma marcha que se desenvolve e que, em geral, regressa ao lugar de origem.

Exemplos: “O périplo durou quinze horas, mas finalmente foi-nos possível chegar ao arroio”, “Desde que abandonei o país, realizei um périplo sem pausa que me levou a viver em oito cidades diferentes”, “Não estou disposto a acompanhar-te num périplo semelhante”.

A noção de périplo também se pode usar em sentido figurado, em referência à viagem espiritual que leva a cabo um indivíduo. O périplo, neste sentido, pode associar-se à busca que realiza um ser humano no que diz respeito à espiritualidade enquanto tenta aproximar-se de Deus, da Verdade ou da Iluminação.

Outro uso do conceito é associado a um documento da antiguidade que compilava comentários realizados por aqueles que surcavam os mares. A intenção era que esta espécie de diário de viagem servisse para aqueles que realizavam um percurso semelhante no futuro. O périplo, deste modo, incluía informação sobre os diversos portos, as distâncias, as características da costa e outros dados de interesse para os navegantes.

Os périplos, em suma, tinham uma finalidade prática: o navegante contava aquilo que via na sua viagem para que aqueles que seguiram os seus passos soubessem com quem se iam encontrar. Hoje, pode-se associar este tipo de publicação aos derroteiros.

O Périplo de Nearco, O Périplo de Hannón e o Périplo de Scymnus de Quios são alguns dos périplos da antiguidade mais famosos.