Conceito de pinheiro


Mai 13, 15

Pinheiro é um conceito que provém do latim pinus. Trata-se de uma árvore que faz parte do conjunto das coníferas (aquelas espécies que têm sementes com forma de cone, como a pinha) e que, em geral, tem um aspecto semelhante a uma pirâmide.

Exemplos: “Vamos descansar debaixo desses pinheiros”, “Ao chegar em cima da montanha, os jovens ficaram surpreendidos com a beleza dos bosques de pinheiros que se estendiam debaixo deles”, “Um pinheiro caiu com a trovoada e derrubou uma casa”.

A semente do pinheiro é o pinhão e o seu fruto é a pinha. Há que destacar, no entanto, que existem diversas espécies por todo o planeta, cada uma com as suas características.

No Natal, uma das tradições mais estendidas consiste em decorar um pinheiro. Habitualmente, colocam-se adornos, como estrelas, bolas coloridas, fitas, etc. Também se podem colocar luzes que piscam. Quando a pessoa não tem acesso a um pinheiro real, pode recorrer a um artificial.

A madeira de pinho, por outro lado, é uma das mais apreciadas pelas suas características naturais. É uma madeira resistente, de boa durabilidade, que pode ser tratada ou pintada facilmente.

Por se tratar de um recurso relativamente abundante, o seu preço não é elevado. Deste modo, muitos móveis (como camas, mesas ou cadeiras) são fabricados com madeira de pinho: “Gostas da cama de madeira de pinho que comprei?”, “Quando nos casámos, a minha avó ofereceu-me uma mesa com cadeiras de pinho”.