Conceito de rede alimentar


Dez 30, 15

Conhece-se pelo nome de rede alimentar à estrutura formada pelas inter-relações de alimentação existentes entre os integrantes de um ecossistema. Através desta rede, as várias espécies transferem-se nutrientes e energia: cada espécie alimenta-se de outra e, por sua vez, é alimento de uma terceira.

A rede alimentar também recebe o nome de cadeia alimentar, cadeia alimentar ou cadeia trófica. As espécies são os nós da rede ou os chavões da cadeia: para subsistir, obtêm energia daquelas que estão num nível inferior. Por outras palavras: uma espécie, ao alimentar-se de outra, recebe aquilo de que precisa para continuar a viver.

Por se tratar de uma rede ou cadeia, a espécie que come a outra é, de maneira simultânea, alimento de uma espécie diferente. Exemplos: uma serpente pode alimentar-se de um roedor, mas por sua vez é presa de um falcão. O roedor, por sua vez, é ingerido pela serpente e alimenta-se de insectos. Deste modo, a partir destes entre os integrantes da comunidade biológica, forma-se a rede alimentar.

Este funcionamento da rede alimentar faz que, se uma espécie desaparece, todo o sistema se desequilibre chegando inclusive a colapsar. Suponhamos que, pela acção do homem, se extingue uma espécie X. Todos os animais que se alimentavam dessa espécie ficam sem comida e uma vez que não podem subsistir. Por sua vez, as espécies que eram depredadas pela espécie desaparecida, começam a multiplicar a sua quantidade de exemplares, algo que acaba por exercer pressão para o desaparecimento de novas espécies.