Conceito de sociologia




Ago 02, 11 Conceito de sociologia

A sociologia é uma ciência que se dedica ao estudo dos grupos sociais (conjunto de indivíduos que convivem agrupados em diversos tipos de associações). Esta ciência analisa as formas internas de organização, as relações que os sujeitos mantêm entre si e com o sistema, e o grau de coesão existente na estrutura social.

Pode-se dizer que a sociologia existe há muito tempo, já antes que se viesse a desenvolver enquanto ciência ou que cujo objecto de estudo se delimitasse. No século V a.C., Heródoto dedicou-se à realização de completas descrições dos povos e dos seus respectivos costumes. Ibn Jaldún (1332-1406), por sua vez, foi quem deu origem ao termo Ilm el Iytima (a ciência da sociedade ou do social).

Auguste Comte foi quem se encarregou de dar forma ao conceito de sociologia, em 1838, por ocasião da apresentação do seu Curso de Filosofia Positiva. A sociologia viria a consolidar-se como uma ciência autónoma recente em meados do século XIX. O século XX já ia bem avançado quando se começou a diferenciar diferentes escolas e correntes dominantes.

A sociologia pode ser estudada a partir de diferentes métodos: o qualitativo, que inclui descrições detalhadas de situações, comportamentos e pessoas, e que também pode incluir o relato dos participantes, contado na primeira pessoa; e o método quantitativo, que é encarregue das características e variáveis podendo ser representadas por valores numéricos e que permitem procurar possíveis relações através da análise estatística.

No que diz respeito aos principais paradigmas sociológicos, destacaremos o funcionalismo (segundo o qual as instituições sociais são meios desenvolvidos colectivamente para satisfazer necessidades da sociedade), o marxismo (a teoria do conflito), o interaccionismo simbólico (em que se destaca o carácter simbólico da acção social), o estruturalismo e a teoria de sistemas.