Conceito de substrato




Mar 09, 12 Conceito de substrato

O substrato é um estrato subjacente a outro e sobre o qual está em condições de exercer algum tipo de influência. A noção de estrato, por sua vez, refere-se a uma camada ou nível de algo, ou ao conjunto de elementos que se integra com outros anteriores para a formação de uma entidade.

Para a ecologia, o substrato é a parte do biótopo (área de condições ambientais uniformes) em que certos seres vivos desenvolvem as suas funções vitais e se relacionam entre eles.

Na biologia, o conceito de substrato tem que ver com a superfície na qual vive um animal ou uma planta, que é formada tanto por factores bióticos como abióticos.

O substrato também pode ser uma espécie química que é considerada como sendo objecto da acção de um ou mais reactivos. Um composto transformado pela acção de um catalisador é um substrato.

Na óptica da bioquímica, um substrato é uma molécula sobre a qual actua uma enzima. Noutros termos, cabe às enzimas catalisar as reacções químicas que envolvem um substrato. A união entre a enzima e o substrato forma um complexo.

O substrato linguístico, por fim, diz respeito às influências gramaticais, lexicais e fonéticas que uma língua exerce sobre outra. Estas influências são frequentes sempre que um povo é conquistado ou invadido por outro e que a língua falada originalmente nessa área geográfica tem influência na língua que a substitui. A língua portuguesa, por exemplo, é uma das línguas que descende do latim vulgar ibérico. A mudança fonética do f para o h, no caso do castelhano está relacionado com o substrato linguístico. O fenómeno contrário denomina-se superestrato.