Conceito de sujeito




Set 19, 12 Conceito de sujeito

Do latim subiectus, um sujeito é uma pessoa inominada. O conceito é usado quando não se sabe o nome dessa pessoa ou quando não se quer declarar de quem se está a falar Por exemplo: “O sujeito entrou pela porta traseira do local e ameaçou os presentes com uma arma de fogo”, “Esse sujeito não me inspira qualquer confiança”, “Senhor Agente, tem de me ajudar: aquele sujeito de camisa branca roubou-me a carteira”.

Sujeito também é algo ou alguém que está exposto a algo: “O desconto está sujeito às condições do contrato”, “Doravante, visto que já não estou mais sujeito às tuas ordens, vou deixar de fazer horas extras só para teu belo prazer”. Por outro lado, sujeito é a acção e o efeito de sujeitar/submeter (afirmar ou conseguir algo através da força): “O tecto só está sujeito por dois pilares já antigos”, “O homem estava sujeito às humilhações diárias dos vizinhos”.

Para a gramática, o sujeito é o substantivo, pronome ou sintagma nominal que preenche uma função oracional em concordância em número e em pessoa com o verbo. Noutros termos, o sujeito é quem realiza a acção da oração. Numa frase como “O João joga futebol”, o sujeito é “O João”.

No âmbito da filosofia, o sujeito é o ser do qual se predica ou anuncia algo. O sujeito filosófico age de acordo com a sua própria decisão e vontade e é o protagonista dos seus actos. O sujeito está em condições de distinguir a realidade enquanto objecto muito além do seu conhecimento subjectivo.

Sujeito, por último, é o assunto ou a matéria sobre a qual se escreve ou se fala.