Conceito.de

Conceito de afiliação

Afiliação é o acto e o resultado de afiliar. Este verbo, que deriva do vocábulo latino affiliāre, faz referência à acção de aderir, apontar, anotar ou somar um indivíduo a uma associação ou organização.

Por exemplo: “Um falho judicial proibiu a obra social recusar a afiliação do bebé nascido com uma malformação congénita”, “Estamos bastante satisfeitos: a afiliação ao nosso partido político não deixa de crescer”, “A afiliação ao seguro requer muitos trâmites devido à burocracia”.

Quem completa a sua afiliação a uma entidade converte-se em afiliado. Uma vez que se acede a esta condição, a pessoa adquire diversos benefícios e direitos, ao passo que em alguns casos também assume obrigações.

As afiliações podem realizar-se em organismos que administrem pensões e jubilações, obras sociais, associações civis e partidos políticos, por citar algumas possibilidades. Para completar o trâmite, é habitual que o sujeito deva apresentar diferentes documentos e completar algum tipo de quadro/mapa. Também é possível que se requeira certos desembolsos económicos, como um pagamento de inscrição ou a subscrição de algum tipo de quota.

Suponhamos que um jovem deseja tramitar a sua afiliação a um partido político. Para isso, junta-se a comité do mesmo com o seu documento, completa um mapa e assina um registo. A partir daí, já fica afiliado ao partido em questão e pode apresentar-se como candidato representando o mesmo em processos eleitorais.

A afiliação a uma obra social, por outro lado, exige o pagamento de quotas mensais. Enquanto a pessoa mantiver a sua afiliação/subscrição, poderá fazer uso dos serviços da obra social, recebendo cuidados médicos, adquirindo medicamentos com desconto, etc.