Conceito.de

Conceito de deficiência

Uma deficiência é um defeito, uma imperfeição ou uma carência de alguma qualidade própria de algo. Este vocábulo provém do termo latim deficientĭa.

No caso da deficiência mental, refere-se ao funcionamento intelectual inferior ao normal, que se manifesta desde a infância e que se relaciona com desajustes a nível do comportamento.

Hoje em dia, os especialistas preferem utilizar a designação incapacidade intelectual e dar prioridade a conceitos como inclusão, qualidade de vida e autodeterminação, para que as pessoas afectadas pelo trastorno se possam desenvolver da melhor forma possível.

A deficiência motora, por outro lado, é a deficiência neuronal que gera alguma disfunção no aparelho locomotor do indivíduo. Entre as suas consequências, destacam-se as limitações de postura, de deslocação ou de coordenação de movimentos.

As pessoas que sofrem de deficiência motora podem apresentar limitações nomeadamente movimentos incontrolados, dificuldades de coordenação, força reduzida, fala incompreensível e má acessibilidade ao meio físico.

Já, a deficiência de hormona do crescimento é um distúrbio clínico ocasionado pela produção inadequada da hormona do crescimento. Este transtorno afecta cerca de 1 em cada 4.000 crianças. A hipoglicémia e o nanismo são alguns dos efeitos principais desta deficiência.

Outras deficiências conhecidas são as de alfa-1 antitripsina (um transtorno genético hereditário podendo resultar numa doença pulmonar obstrutiva crónica), de glicose-6-fosfato desidrogenase (a carência enzimática mais comum no mundo), de iodo (que produz bócio e cretinismo) e de fosfofrutoquinase (que causa fadiga muscular na pessoa afectada).