Conceito.de

Conceito de rapina

É no latim que se encontra a origem etimológica do termo rapina, podendo-se traduzir por “roubo” ou “pilhagem” e que é formada por duas partes:
-O verbo “rapere”, que significa “arrebatar” ou “roubar”.
-O sufixo “-ina”, que é usado para indicar “qualidade ou acção”.

Rapina é um termo que se refere a um determinado delito que se comete de forma violenta. Pode-se tratar de um furto, com delinquentes que actuam com rapidez. Exemplos: “O comerciante foi ferido ao sofrer uma rapina enquanto se dirigia para a sua loja”, “O jovem confessou a rapina e foi sentenciado a dois meses de cadeia”, “Quatro pessoas foram detidas pela rapina num centro comercial”.

A noção também é usada num sentido mais figurado para mencionar empresas ou investidores que, aproveitando-se de uma situação económica determinada, ficam com recursos, pagando um preço inferior àquele que, na realidade têm. O conceito pode aplicar-se, por outro lado, para evocar a acção que consiste em extrair riqueza de um certo sector até o esgotar:

“Esta nação sofreu a rapina económica dos grandes grupos de poder internacional durante mais de uma década”, “Devemos proteger estas terras da rapina das empresas multinacionais, que destroem o meio ambiente e levam milhões de dólares”.
As aves de rapina, por outro lado, são aquelas que caçam para se alimentar da carne das suas presas. Estes animais têm garras de grande tamanho e bico afiado que lhe permite dominar outras espécies e desgarrar a carne. O falcão, o abutre, a águia e o condor são espécies de ave de rapina.

As aves de rapina dividem-se fundamentalmente em dois grandes grupos:
-Diurnas ou falconiformes, como podem ser a águia, os açores, o falcão ou o abutre. Este conjunto divide-se, por sua vez, em cinco classificações: pandiónidos, sagitáridos, catartídeos, accipitrídeos e falconídeos.
-Nocturnas. Este grupo divide-se em dois: os titónidos, entre os quais se encontram as corujas, e os estrigidos, como seria o caso dos mochos.

Algumas aves de rapina também são detritívoro: isto significa que se alimentam de carne em decomposição (animais já mortos, que não foram caçados por ela).

Para além de tudo o que foi exposto, há que esclarecer que também existe o verbo rapinar, que se utiliza em referência a furtar ou tirar algo a alguém de uma forma inesperada.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

base química

Aquilo que atua como suporte, fundamento ou essência de algo é chamado de base. A química, por outro lado, é a ciência...

Conceito de

bater

As primeiras definições de bater mencionadas no dicionário da Real Academia Espanhola (RAE) aludem a fazer um ataque, golpear...

Conceito de

taco

O conceito de taco é usado para nomear um pau com punho e ponta mais grossa que é usada em vários esportes para bater em uma...

Conceito de

base monetária

Para entender com precisão o significado da base monetária, devemos primeiro analisar cada um dos termos que compõem a...

Conceito de

envasamento

O conceito de envasamento é usado no campo da arquitetura com referência ao corpo que, composto do pedestal e da base, está...

Conceito de

basta

O uso mais comum do termo basta vem do verbo bastar, que se refere ao fato de ser suficiente para uma determinada coisa. Basta...

Conceito de

base tributável

Uma palavra grega que chegou ao latim como “basis” derivou, em nossa língua, no conceito de base. Embora tenha...

Conceito de

bastião

O termo italiano “bastione” chegou ao português como bastião. O conceito refere-se a um baluarte: uma...

ARQUIVOS