Conceito.de

Conceito de nome abstracto

As palavras que podem funcionar como sujeito nas orações recebem o nome de substantivo. Trata-se dos nomes que fazem alusão a seres ou objectos. Abstracto, por sua vez, é um adjectivo que se refere à qualidade que existe para além do sujeito ou àquilo que é simbólico (em oposição ao material ou físico).

A ideia de substantivo abstracto, deste modo, diz respeito aos termos que permitem designar objectos criados pelo pensamento ou percebidos/captados através da inteligência. É possível diferenciar, por conseguinte, os substantivos abstractos e os substantivos concretos (cuja função é designar os objectos percebidos/captados através dos sentidos: visão, audição, olfacto, tacto ou paladar).

Um exemplo de substantivo abstracto é “maldade”. A noção está associada à condição daquilo que é errado ou mau. Tendo em conta que a “maldade” não é algo que se consiga detectar através dos sentidos, pois é uma construção mental, pode qualificar-se como substantivo abstracto. Exemplos: “A maldade deste jovem é evidente em cada um dos seus actos”, “É um homem que não tem maldade”, “Não me parece que tenha sido uma brincadeira: foi claramente uma maldade”.

Muitas vezes, os substantivos abstractos constroem-se adicionando sufixos a um verbo ou a um adjectivo. Se prestarmos atenção ao exemplo anterior, “maldade” deriva de “mal”.

Para poder compreender melhor o que significa substantivo abstracto, nada melhor que conhecer outras especificações ou características do mesmo tais como estas:

-Fazem também referência a sentimentos, a sensações e a elementos relacionados com a nossa imaginação.
-Mais concretamente, face aos chamados substantivos concretos, que são aqueles que dispõem de um carácter tangível, os abstractos não se podem “tocar”. Isto é, a estes só se lhes dá forma através do pensamento, da emoção, da imaginação…
-É hábito que, na hora de formar os substantivos que nos interessam a partir de verbos, adjectivos ou outros substantivos, se faça uso de sufixos tais como “-dade” ou “-ência”. Exemplos disso são palavras como humildade, liberdade, generosidade, maldade, decência, inocência…

-Estes substantivos são considerados uns dos cinco grandes grupos nos quais se classificam os substantivos. Posto isto, para além destes há os concretos, os comuns, os próprios e os colectivos.

Outros dos muitos exemplos de substantivos abstractos são a ansiedade, a ambição, as banalidades, o desejo, a espiritualidade, a luxúria, a necessidade, a obsessão ou a piedade.

Vejamos algumas orações para aprofundar mais este tipo de substantivos:
-“A generosidade do ser humano, às veze, não tem limites”.
-“Se há algo que definia o João é a sua grande bondade”.
-“O amor que sentia o Manuel pela Carmen era realmente único”.
-“A Isabel deu belas amostras do seu egoísmo quando não quis partilhar a comida com os seus amigos”.
A “alegria”, a “fé” e a “fome” também são substantivos abstractos: “Desde que a Marta se foi embora, perdi a alegria de viver”, “Tenho fé que as coisas melhorem”, “A fome não me deixa pensar com lucidez”.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

conquista

Conquista é o ato e o resultado de conquistar: obter algo através da habilidade, sacrifício ou violência. Uma conquista é o...

Conceito de

cone

A palavra grega “kõnos” chegou ao latim como “conu”, dando origem à palavra francesa...

Conceito de

comiseração

O conceito de comiseração, que deriva da palavra latina “commiseratiōne”, é usado para se referir à...

Conceito de

conivência

Conhece-se como conivência a tolerância ou passividade de um alguém em relação a erros, falhas, infrações (entre outros)...

Conceito de

comutador

Comutador é um adjetivo usado para qualificar o que comuta: substitui, modifica, troca ou altera algo. Como substantivo, a ideia...

Conceito de

coníferas

As coníferas são arbustos e árvores com ramos de forma cônica e frutos que também têm uma estrutura de cone. Essas plantas...

Conceito de

congregação

Procedente do vocábulo latino “congregatiōne”, chama-se congregação à assembleia ou reunião organizada com o...

Conceito de

conjuro

Chama-se conjuro à fórmula ou expressão mágica que, ao ser pronunciada, permite obter o que se pede. Um conjuro, nesse...

ARQUIVOS