Conceito.de

Conceito de rave

O termo rave não consta nos dicionários de língua portuguesa, pois trata-se de um estrangeirismo de origem inglesa. É um conceito de uso frequente, que se refere a um determinado tipo de festa.

Uma rave é um evento de música electrónica que se costuma estender durante toda a noite. Enquanto um DJ se encarrega de seleccionar e passar músicas, os participantes dançam. É habitual haver jogos de luz a acompanharem o ritmo da música, criando uma atmosfera muito particular.

Para além do estritamente musical, há diversos fenómenos e condutas que costumam estar relacionadas com as raves. Em muitas ocasiões, o consumo de álcool e drogas ilegais torna-se presente neste tipo de eventos, o que leva uma associação entre a música electrónica e os estupefacientes.

Obviamente, as associações deste tipo são prejudiciais e não constituem verdades absolutas. Existem muitas raves nas quais não se consomem drogas. De qualquer forma, não se pode negar que costuma haver um elo entre este tipo de festas e o consumo de certas drogas específicas, como o êxtase e outras anfetaminas, bem como a música reggae se associa à marijuana.

Há que ter em conta, por outro lado, que muitas dessas raves são qualificadas como ilegais, já que as mesmas decorrem em espaços abandonados, por norma, e sem ter qualquer licença ou de medidas de segurança. Uma situação que, por conseguinte, entranha muito perigo.

A tudo isso há que acrescentar outras características sobre as ditas festas de rave:
-Costumam durar no mínimo doze horas.
-Decorrem em lugares que estão afastados das cidades.
-Em Londres foi onde se considera que começaram a implementar-se tais celebrações e, a partir daí, foram-se propagando pela Europa e outros cantos do planeta.
-Se conseguiram tornar-se numa proposta que incentiva os mais jovens é porque lhes atrai o facto de serem ilegais, porque têm alcance a todo tipo de drogas, porque lhes permite desfrutar de música que lhes agrada e que não é comercial e porque, acima de tudo, são bastante económicas.

Deixando estas questões à margem, as raves são consideradas grandes espectáculos que podem ter uma relevante importância cultural. Há DJs que são autênticas figuras internacionais, capazes de reunir milhares de pessoas numa rave. Neste sentido, apesar de se tratar de questões diferentes, pode-se fazer uma analogia entre uma rave e um concerto de rock ou outro espectáculo musical.

Precisamente a partir da criação do termo rave para se referir a esse tipo de festas, surgiu o conceito de rave music. Sob esta designação encontram-se diversos géneros de música electrónica pensados/concebidos para ouvir e dançar nas ditas festas. Trata-se mais especificamente de canções que são muito rápidas e que podem incluir elementos como loops ou mesmo samples.

A tudo isso há que acrescentar que, numa primeira instância pelo menos, vinha a ser essa música uma mistura perfeita entre techno, breakbeat ou acid house.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

discrepância

A palavra latina “discrepantĭa” chegou ao castelhano como discrepância. Discrepância é um desacordo ou uma...

Conceito de

discoteca

Os primeiros significados do termo discoteca mencionados no Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa online da Michaelis...

Conceito de

descontinuidade

O Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa online da Michaelis define o termo descontinuidade como a característica daquilo...

Conceito de

díscolo

O vocábulo grego “dýskolos” chegou ao latim “dyscŏlu” que em nossa língua derivou em díscolo. É um...

Conceito de

discórdia

Uma discórdia é um confronto ou uma discrepância que surge quando um acordo não é alcançado com relação a uma questão de...

Conceito de

endereço IP

A ideia de endereço pode se referir a um domicílio. No caso específico da computação, é uma expressão composta por letras...

Conceito de

disautonomia

A disautonomia é um distúrbio causado por problemas no sistema nervoso autônomo, cuja função é controlar e regular as...

Conceito de

disartria

A origem etimológica de disartria encontra-se num vocábulo grego composto pelos termos “dys-” (dis-) e...

ARQUIVOS