Conceito de extrovertido




Set 19, 11 Conceito de extrovertido

Extrovertido é um adjectivo que permite fazer referência à pessoa que é dada à extroversão (estado de ânimo que se manifesta através dos sentidos, reflectido para o exterior). Alguém extrovertido tem tendência a socializar com facilidade e a destacar-se nos eventos sociais.

O psicólogo e psiquiatra suíço Carl Gustav Jung (1875-1961) foi o impulsor das noções de extroversão e introversão nas suas teorias da personalidade. Para Jung, a extroversão é a atitude que se caracteriza por concentrar o interesse num objecto externo. Significa que a pessoa extrovertida demonstra interesse pelo outro na hora de encetar laços sociais e predispõe o seu ânimo para que a relação seja próspera. Ao contrário, a introversão é a atitude caracterizada pela concentração do interesse nos processos internos do indivíduo.

É importante destacar que estas facetas da personalidade não são absolutas: ou seja, não existe ninguém que seja totalmente extrovertido nem absolutamente introvertido. Em cada indivíduo, uma das duas atitudes é mais notória e encontra-se mais vincada. Contudo, há ocasiões em que se pode destacar a extroversão, ao passo que, noutras alturas, a mesma pessoa se pode mostrar introvertida.

O que é, de facto, impossível é manter uma atitude extrovertida e introvertida em simultâneo. Não se trata de dimensões podendo ser expostas ao mesmo tempo. Uma personalidade sã é flexível e pode adaptar a atitude ao contexto num equilíbrio que permite ao sujeito responder aos estímulos externos sem conflitos.

Se, por exemplo, uma pessoa cuja personalidade seja extrovertida for a uma festa, não terá quaisquer problemas em dançar em frente a toda a gente nem em contar piadas ou em pregar partidas, e sentir-se-á confortável em meter conversa com pessoas que desconhece.