Conceito de coesão


Mar 06, 14

Do latim cohaesum, coesão é a acção e o efeito de aderir ou reunir as coisas entre si. A coesão, por conseguinte, implica algum tipo de união ou vínculo.

Exemplos: “O treinador destacou a coesão da equipa em tempos mais complicados”, “Devemos ter coesão se quisermos superar as adversidades”, “Não me agrada esta receita porque os ingredientes não têm qualquer coesão”, “O candidato a governador garantiu que iria trabalhar pela coesão de toda a província”.

Para a sociologia, a coesão social é o sentido de pertença a um espaço comum ou o grau de consenso dos integrantes/membros de uma comunidade. Dependendo da interacção social no seio do grupo social, haverá maior ou menor coesão.

Uma sociedade igualitária (equitativa) e justa terá um grau substancial de coesão social, uma vez que os integrantes fazem parte de um só e mesmo grupo com interesses e necessidades comuns. No entanto, se a sociedade apresentar uma grande desigualdade, não haverá coesão e os cidadãos terão condutas contraditórias.

A coesão entre moléculas, por outro lado, está relacionada com as forças de atracção e os laços que se criam em função das suas características. Para que haja, ou não, esta coesão, entram em jogo forças de atracção, repulsa e adesão, entre outras.

A coesão textual, por último, é a característica dos textos que implica que as suas orações ou fragmentos estejam vinculados entre si através de elementos que estabelecem as relações semânticas. Graças à coesão entre orações, o texto pode organizar-se e adquirir sentido.