Conceito de cinestesia




Nov 26, 11 Conceito de cinestesia

A cinestesia é a percepção do equilíbrio e da posição das várias partes do corpo. O conceito tem origem nos termos gregos koiné (“comum”) e áisthesis (“sensação”), pelo que, etimologicamente, faz referência à sensação ou percepção do movimento.

Trata-se das sensações que se transmitem de forma contínua que partem de todos os pontos do corpo para o centro nervoso das aferências sensoriais. Os especialistas fazem a distinção entre dois tipos de sensibilidade: a sensibilidade visceral propriamente dita (interoceptiva) e a sensibilidade postural (proprioceptiva), cujo assento periférico está situado nas articulações e nos músculos. A função desta última sensibilidade consiste em regular o equilíbrio e as acções voluntárias coordenadas que são necessárias para realizar qualquer deslocamento do corpo.

Os proprioceptores intervêm no desenvolvimento do esquema corporal na relação com o espaço e planificam a acção motora, proporcionando informação suficiente sobre o corpo e permitindo-lhe uma mobilidade completa e ordenada.

Noutros termos, a cinestesia é o sentido de orientação que permite que a pessoa possa definir a orientação óptica, gustativa, táctil, olfactiva e de coordenação (motora). Trata-se portanto de um conceito do foro da psicologia.

De acordo com os especialistas, muitas técnicas da ginástica cerebral permitem aplicar o movimento para incrementar a potencialidade da aprendizagem e os recursos e talentos pessoais. Por isso, através de uma série de exercícios, a cinestesia pode criar sinapses cerebrais fortes que estimulam fluidos energéticos, como é o caso da dopamina e da endorfina. Ler, realizar exercícios matemáticos e aprender coisas novas são algumas das sugestões para a ginástica mental.