Conceito.de

Conceito de aglutinar

O termo latino agglutināre chegou ao à nossa língua com a designação aglutinar. Este verbo menciona a ação de conseguir que diferentes elementos fiquem unidos entre si. Exemplos: “Para aglutinar a preparação, o ideal é usar ovo”, “Acho que a minha candidatura é a única que conseguirá aglutinar apoios de diferentes sectores”, “Esta cidade tem a capacidade de aglutinar belezas naturais, tesouros históricos e opções de lazer num mesmo lugar”.

A ideia de aglutinar pode referir-se a uma união física: duas coisas ficam coladas pelo uso de um aglutinante ou por algum tipo de processo. Na área da arquitetura, aglutinar implica a reunião de fragmentos através de uma substância que, como resultado do processo, oferece um elemento compacto. Na medicina, aglutinar consiste em conseguir que duas partes fiquem em contato.

Um exemplo do uso do termo na medicina seria quando se precisa unir tecidos orgânicos que estejam separados, buscando, assim, um processo de cicatrização. Por exemplo: “aglutinação das beiradas do ferimento”.

Se nos centrarmos na cozinha, o ato de aglutinar é levado a cabo para que uma massa fique uniforme ou para conseguir que diferentes ingredientes fiquem amalgamados. Existem substâncias que, devido às suas características, servem como aglutinantes. Uma das mais usadas é o ovo.

É chamado de aglutinador ou de aglutinante o elemento que possui propriedades de aderência, de unir ou de fazer o ligamento de uma coisa à outra. Por exemplo: “a cola é um elemento aglutinador” ou, ainda, “a cola possui propriedades aglutinantes”.

Outros exemplos do uso do termo aglutinar são: “o garoto passou a aglutinar folhas de papel para realizar a reciclagem das mesmas, transformando-as em novas folhas”, “a pele começou a aglutinar depois de serem feitos os curativos”, entre outros.

Aglutinar, por outro lado, alude à reunião de pessoas, circunstâncias ou elementos de características díspares. Suponhamos que um homem deseje tornar-se presidente da associação de fomento do bairro onde mora. De acordo com os estatutos da instituição, deve apresentar cem avales e propor uma comissão diretiva de cinco integrantes para poder participar das eleições.
O homem, deste modo, começa a conversar com os seus vizinhos, detalhando quais são as suas ideias para a instituição. Assim, procura aglutinar vontades para que os vizinhos, com a devida assinatura, lhe deem os avales correspondentes e possa candidatar-se às eleições que consagrarão o novo presidente da associação de fomento.

Há ainda como usar o termo para explicar quando uma pessoa une palavras para formar outras. E, no processo, uma ou outra (ou mesmo ambas) palavras podem sofrer variações, ora removendo ou acrescentando letras:

– “Ele então passou a aglutinar palavras para formas novas palavras, tendo conseguido formar palavras como: ‘planalto’ ao unir ‘plano’ e ‘alto’ ou formar a palavra ‘boquiaberta’ usando as palavras ‘boca’ e ‘aberta’ ou, também, usar as palavras ‘perna’ e ‘alta para formar a palavras ‘pernalta”, por exemplo.

Mas podem ser usadas mais de duas palavras para a aglutinação, por exemplo: usar as palavras “em”, “boa” e “hora” para formar uma nova palavra que seria “embora” ou usar as palavras “filhe”, “de” e “algo” para formar a palavra “fidalgo”.

Esse tipo de formação de palavras é conhecido como composição por aglutinação, onde há a fusão de duas ou de mais palavras para resultar em outra.