Conceito.de

Conceito de capitel

O termo capitel provém do idioma occitano. Na arquitetura, o setor superior de uma pilastra ou coluna, que a decora e complementa como uma moldura chama-se capitel.

O capitel é um elemento arquitetônico que transmite cargas provenientes do entablamento horizontal para a pilastra ou para a coluna. Também permite a transição das partes entre as quais está localizado.

O capitel egípcio é a mais antigo que se tem conhecimento. De acordo com a sua forma, pode ser chamado de papiriforme (imita a planta do papiro), palmiforme (inspirado nas tamareiras), hátorico (representando a deusa Hator) ou lotiforme (criado em homenagem à flor de lótus).

Na Pérsia, usavam-se capiteis com figuras bicéfalas. Os romanos e os gregos, entretanto, desenvolveram diferentes tipos de capiteis: jônicos, dóricos, toscanos e outros. Depois surgiu o capitel islâmico, o capitel bizantino, o capitel gótico e outros tipos de capiteis.

Ao nível geral, pode-se dizer que um capitel é composto de um astrágalo (o molde que está na base e se desenvolve em torno do fuste da coluna), um tambor (o corpo do capitel) e um ábaco (o painel que serve como remate e que suporta o início do lintel ou do arco).

Por fim, para a botânica, o capitel é a bainha formada pelas folhas de certas plantas no estipe.