Conceito.de

Conceito de cornija

O vocábulo latino “cornice” chegou a nosso idioma como cornija. O termo refere-se ao conjunto de molduras que atuam como o remate de uma determinada construção. A noção também se refere ao setor superior do entablamento.

Por exemplo: “O delinquente trepou a uma árvore, depois caminhou pela cornija do edifício e acabou por quebrar o vidro de uma janela para entrar no apartamento que roubou”, “O homem permaneceu uma hora na cornija, ameaçando se jogar no vazio”, “Parte da cornija do Palácio do Congresso desprendeu-se”.

A cornija sobressai da fachada, fazendo com que a água da chuva não atinja as paredes diretamente. Além dessa utilidade prática, a cornija também é um elemento decorativo que pode apresentar várias formas e figuras.

O conceito, por outro lado, emprega-se para nomear a acumulação de neve numa aresta ou crista de uma montanha provocada pelo vento. Essa cornija, chamada cornija de neve é perigosa por motivos de desabamento ou ocorrência de avalanches, sendo o colapso mais possível em períodos de aquecimento.