Conceito.de

Conceito de declinar

O verbo declinar, que deriva da palavra latina “declināre, pode se referir à rejeição amigável de uma proposta ou de um convite. Por exemplo: “Você é muito gentil, mas receio ter de declinar seu convite, pois tenho outro compromisso”, “Problemas de saúde levaram o deputado a declinar sua candidatura”, “Terei que declinar minhas aspirações”.

A ideia de declinar também pode ser usada com relação a um declínio ou a uma tendência negativa: “A empresa começou a declinar quando seu fundador faleceu”, “A saída por lesão de seu capitão fez com que a equipe começasse a declinar”.

Declinar é também o que algo faz quando se aproxima o seu término ou final: “Adoro me aproximar da praia quando o dia está a declinar para ver o pôr do sol no mar”, “O objetivo decisivo veio no declinar do jogo”, “No declinar da vida aspiro a estar em paz”.

No campo da gramática, declinar é uma ação que ocorre em idiomas com inflexão casual, consistindo em expressar as formas que um termo exibe como manifestação dos vários casos.

A declinação, nesse contexto, é um procedimento dos pronomes, adjetivos e substantivos para indicar as diferentes relações gramaticais existentes em uma oração. Ao declinar, é possível marcar o complemento indireto, o complemento direto, o sujeito, etc.

Em geral, o termo é alterado através de um prefixo, um infixo ou um sufixo, conseguindo uma inflexão nominal que modifica certos morfemas da palavra. Declinar causa uma alteração gramatical.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (18 de Maio de 2020). Conceito de declinar. Conceito.de. https://conceito.de/declinar