Conceito.de

Conceito de engrenagem

A ideia de engrenagem é frequentemente usada no campo da mecânica para se referir à consequência de engrenar. Este verbo (engrenar), por sua vez, se refere ao que as peças dentadas fazem quando se encaixam.

Uma engrenagem, portanto, é alcançada quando dois ou mais elementos são acoplados e trabalham juntos ou de maneira coordenada. O conceito também se refere ao conjunto desses elementos e seus dentes.

As engrenagens são geralmente formadas com duas rodas dentadas e são usadas para transmissão de energia. A maior roda chama-se coroa, enquanto a menor, de pinhão. O contato de ambas as rodas permite transmitir o movimento circular de um lugar para outro.

Em motores de combustão interna, por exemplo, as engrenagens são usadas para conduzir o movimento do eixo da fonte de energia para outro eixo que executa o trabalho. A roda ligada à fonte de energia chama-se engrenagem motora; a roda associada ao eixo que recebe o movimento, por sua vez, é chamada de engrenagem movida. O sistema composto por mais de duas rodas é conhecido como trem.

A caixa de velocidades de um carro também tem várias engrenagens. Este mecanismo permite que, embora a cambota gire sempre na mesma velocidade, as rodas girem em velocidades diferentes.

Por fim, cabe destacar que na linguagem coloquial a conexão ou coordenação de vários eventos, pensamentos ou circunstâncias é chamada de engrenagem: “O investimento do Estado é essencial para iniciar a engrenagem da economia”, “Há uma engrenagem judicial que garante a impunidade de políticos corruptos”, “Investigadores procuram desmantelar a engrenagem da máfia”.