Conceito.de

Conceito de lacónico

Lacónico ou lacónio é um adjectivo que designa quem é natural de Lacónia, uma nação da Grécia antiga. A cidade mais importante daquela região, que hoje é uma unidade periférica grega, era Esparta.

Daí deriva a noção de lacónico (do latim Laconĭcus), que está associado a algo conciso, breve ou compendioso. Alguém que seja lacónico, por conseguinte, escreve ou fala dessa forma.

Diz-se que os educadores espartanos exigiam aos estudantes que falassem/conversassem pouco. Diz-se ainda que, quando os sitiadores da região enviaram um mensageiro para avisar que os locais/habitantes que, caso o seu bando ganhasse a guerra, seriam escravos para sempre, o comandante de Lacónia terá apenas respondido: “Se ganhar…”

Desde então, o lacónico associa-se à expressão concisa que inclui as palavras justas (certas). O laconismo (qualidade de lacónico) aparece em diversos âmbitos, seja por questões funcionais (como entre os militares), seja por questões filosóficas (o minimalismo).

Peguemos no exemplo de dois treinadores de futebol cujas equipas estão prestes a enfrentar-se numa partida. A ambos é-lhes perguntado o que deve fazer a sua equipa para vencer o rival. Um dos treinadores afirma: “A chave consiste em controlar a metade do campo para impedir que os seus criadores de jogo se possam mover com liberdade: se recuperamos a bola nessa zona, temos opções de atacar com os nossos laterais ou de chutar a média distância”. O outro treinador, lacónico, responde: “Para ganhar, temos de marcar pelo menos mais um golo do que o adversário”.