Conceito.de

Conceito de pátria

Do latim patrĭa, a pátria é a terra natal ou adoptiva que está ligada a uma pessoa por vínculos/laços afectivos, jurídicos e/ou históricos. A pátria pode ser, por conseguinte, o local de nascimento, o povo dos ancestrais ou o país onde um sujeito se radicou a partir de um determinado momento da sua vida.

Por exemplo: “Vivo há quinze anos na Austrália, mas a minha pátria é a Colômbia”, “Os anarquistas consideram-se homens do mundo e afirmam não terem pátria”, “Um soldado deve estar disposto a dar a sua vida pela pátria”.

Ao tentar estabelecer precisões e limites ao conceito de pátria, entram em jogo noções ideológicas e políticas que, inclusive, se podem alterar ao longo dos anos. De acordo com certas posturas, a pátria está sempre associada a um Estado nação. Por isso, é muito importante defender o território do Estado, pois está vinculado a todos os valores da pátria.

Noutros casos, a pátria é antes um acervo (património) cultural e histórico partilhado por pessoas que podem estar separadas do ponto de vista geográfico. Este seria o caso, por exemplo, da pátria cigana, que não tem nenhum centro físico.

A acepção mais simbólica (sentido figurado) de pátria permite aplicar o termo para fazer referência a distintos grupos ou conjuntos sociais: “A pátria futebolística chora a morte do ex-guarda-redes da selecção alemã”, “O governo tem a obrigação de impor limites à pátria financeira para evitar que se gerem lucros milionários sem constituir um peso para o país”.