Conceito de sumidouro


Set 10, 16

Sumidouro é o nome da calha (leito aquático) que recebe a água da chuva ou de algum tipo de corrente superficial. O termo está relacionado com o verbo sumir, o qual se refere a submergir ou ruir.

O sumidouro, por conseguinte, permite sumir/escoar as águas. Em geral, trata-se de uma depresão circular que, a nível geológico, se conhece como dolina. As dolinas formam-se em superfícies, têm uma profundidade variável e apresentam paredes de importante inclinação.

A própria acção da água faz que o subsolo derroque, acabando por formar uma cova. À medida que a água se filtra, o tecto da cova vai-se derrubando, nascendo assim o sumidouro. É importante destacar que os rios subterrâneos se alimentam do sumidouro, aumentando o seu caudal graças à água deste.

Vários são os sumidouros naturais que existem no planeta e que se tornaram bastante populares pela sua espectacularidade em termos de dimensão ou devido às funções que realizam. No entanto, entre os mais importantes podemos destacar, entre outros, o seguinte:
-Bimmah. Um dos mais espectaculares do mundo é este, situado em Omán (Ásia), uma vez que tem a particularidade de contar com um túnel subterrâneo de cerca de 500 metros que se converteu num lugar encantado para os adeptos das actividades submarinas. Além do mais, não só comunica com o mar, como é uma mescla perfeita de água doce e salgada.

Às vezes, os sumidouros são usados para descartar lixo e resíduos. Neste caso, também recebem o nome de “aterros”, sendo que esta acção prejudica a natureza, uma vez que polui a água subterrânea e os aquíferos. Por isso, é importante não transformar os sumidouros em despejos de resíduos.

Outra medida que afecta os sumidouros e provoca desequilíbrios no meio ambiente é o bloqueio. Ocasionalmente, os sumidouros são selados com material para ter a possibilidade de realizar construções sobre os mesmos. Quando o sumidouro é fechado, não só se altera o caudal de água subterrâneo, como também afecta o desaguamento natural da água, uma situação que pode originar inundações.

Por tudo isto, é importante proteger os sumidouros e mantê-los limpos: deste modo, são minimizadas as possibilidades de que se inundarem os terrenos.

Além de tudo o que foi exposto acima, não podemos ignorar o facto de o Protocolo de Quioto definir que também são considerados sumidouros várias actividades que se realizam, utilizando a terra ou que giram em torno da mesma. Referimo-nos mais concretamente à reflorestação, ou à desflorestação e também à florestação.