Conceito.de

Conceito de tez

A etimologia da palavra tez é um tanto incerta. Presume-se que o termo deriva do latim aptez que, por sua vez deriva de aptus: saudável ou são. O conceito é usado para designar a superfície de algo.

O uso mais habitual de tez, de qualquer forma, está relacionado com a área do rosto das pessoas. Desta forma, tez pode ser considerada, neste contexto, como sinónimo de pele ou de cutis.

Exemplos: “O principal suspeito é um homem de aproximadamente 1,85 metros de altura, corpulência robusta, tez branca e cabelo castanho”, “A experientíssima actriz arrasou na estreia do filme ao exibir um vestido decotado e uma tez reluzente, sem marcas do passar do tempo”, “Este creme vai-te deixar a tez radiante”.

Os cuidados da tez tendem a ser uma das principais preocupações estéticas das pessoas. O rosto está sempre está descoberto e é exposto de forma permanente, em todas as situações. Por isso, muitos homens e mulheres procuram cuidar da tez para não ganharem rugas, pregas ou manchas. Muitos dos problemas da tez podem ser reduzidos abrigando-se do sol, aplicando determinados cremes ou loções cosméticas e incluindo determinados alimentos na dieta.

A ideia de tez também é usado para descrever as pessoas de acordo com a cor e/ou textura/estado da sua pele. Por isso, é hábito que, quando se procure um indivíduo, se utilizem expressões como “tez morena”, “tez de porcelana” (pele muito clara), “tez oleosa” entre outras.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (28 de Agosto de 2016). Conceito de tez. Conceito.de. https://conceito.de/tez