Conceito de abominação


Abr 17, 17

Para compreender o significado de “abominação”, a primeira coisa a ter em conta é saber a origem etimológica da palavra. Especificamente, podemos afirmar que vem do latim, de “abominatio” que se traduz como “acção e efeito de rejeitar de forma conclusiva.”

Além disso, é o resultado da junção dos três componentes latinos:
prefixo “AB” indicando retirada -o.
-O substantivo “Omen”, que significa “presságio”.
-O sufixo “ing”, que é usado para estabelecer a acção e o efeito.
A palavra latina abominatĭo chegou ao nosso idioma como abominação: o acto e o resultado de abominar. Este verbo, por sua vez, refere-se a odiar ou detestar algo. Abominação, por outro lado, é algo que, por sua natureza, é abominável.

Por exemplo: “A decisão do tribunal é uma abominação: vamos recorrer para que a situação seja revertida”, “Pretender eliminar um povo devido à sua religião é uma abominação que ninguém pode apoiar”, “Às vezes, sinto que esta cidade, cheia de crimes e violações, se tornou uma abominação”.

Pode-se dizer que a abominação é uma reacção a algo que gera aversão. Suponha que um grupo terrorista detonou uma bomba numa escola, vitimando vinte crianças. Esse acto bárbaro é considerado uma abominação por todas as pessoas pacíficas que têm respeito pela vida.

No campo da religião, a ideia de abominação é usada com referência àquilo que é contrário às regras religiosas. Pecados e todos os actos que não respeitam os preceitos religiosos são uma abominação.

Além da religião, os tabus também tendem a ser considerados uma abominação. No mundo moderno, o canibalismo é um tabu, algo condenado pela sociedade devido a questões morais. Posto isto, se uma pessoa souber que há quem se alimente com carne humana, a situação deve ser definida como uma abominação.

Da mesma forma, não podemos ignorar que a palavra em causa desempenha um papel muito importante no que é o mundo da literatura gráfica. E, de facto, abomination é o nome de um personagem muito importante, sendo um supervilão da Marvel.
Surgiu pela primeira vez no final dos anos 60, sendo que a sua origem é a figura de Emil Blonsky, que compreendia o Exército russo e fruto de um soro injectado, misturado com amostras de sangue de super-heróis de Hulk, que foi quem deu a forma de “Abomination”.

É identificado por possuir uma força extraordinária, pois é bastante rápido e porque é imortal. A tudo isto devemos acrescentar que tem guelras e possui a capacidade de projectar fogo. É claro que, ao contrário do que acontece com esse Hulk, a sua força não irá aumentar à medida que aumenta a sua raiva.

Abominação, finalmente, pode ser algo grotesco ou hediondo. Lembremo-nos, por exemplo, de “O Abominável Homem das Neves”.