Conceito.de

Conceito de católico

O termo grego “katholikós”, que chegou ao latim como “catholĭcu” e depois ao português como católico, pode ser traduzido como “universal”. Este adjetivo, que se refere ao que é comum ou que engloba tudo, foi usado pela Igreja de Roma para se referir a si mesmo.

É por isso que a noção de católico é usada com referência à religião cristã cujo líder é o papa de Roma. Os cristãos são os seguidores de Cristo, considerado o filho de Deus: o papa, por outro lado, é o sucessor do apóstolo São Pedro e vigário de Cristo no mundo terreno.

Pode-se dizer que a religião católica, também chamada de catolicismo, é um ramo da religião cristã ou do cristianismo. A Igreja Católica, de fato, é a Igreja Cristã com o maior número de fiéis.

Os católicos acreditam em Cristo e reconhecem o Papa como seu líder religioso. Nesse contexto, eles respeitam a teologia, liturgias e doutrinas que compõem essa comunidade.

É importante levar em conta que existem dogmas compartilhados por católicos e outros cristãos. Entre os principais dogmas católicos, baseados na Bíblia, figuram a Santíssima Trindade (existe apenas Deus Pai, Filho e Espírito Santo), a Imaculada Conceição (Maria, a mãe de Cristo, foi concebida sem pecado), Maternidade Divina (a gravidez de Maria foi obra do Espírito Santo, sendo ela sempre virgem) e a Eucaristia (o pão e o vinho que são transformados no corpo e no sangue do filho de Deus).