Conceito.de

Conceito de anglicanismo

Escutar o artigo

Anglicanismo trata-se de uma vertente do cristianismo, sendo um movimento protestante com o objetivo de fazer um confrontamento a Igreja. Essa doutrina foi criada pelo rei Henrique VIII, da Inglaterra.

anglicanismo
O anglicanismo foi criado pelo rei Henrique VIII, da Inglaterra

E a palavra Anglicanismo ou anglicano é proveniente de uma expressão da Era Medieval latina, “ecclesia anglicana”, que significa Igreja Inglesa ou “da Inglaterra”.

Conta-se que o cristianismo foi introduzido na Inglaterra por volta do século III e no século IV a igreja já se encontra bem estabelecida. Já no século V, St. Illtud e St. Patrick fizeram trabalhos missionários no País de Gales e na Irlanda. E ainda aí Santo Agostinho prestou uma importante contribuição ao evangelizar, a pedido do Papa Gregório Magno, os reinos da Inglaterra, ao sul. Ali ele consegue converter muitas pessoas, inclusive o rei de Kent e estabelece a organização eclesiástica romana.

A igreja primitiva na Inglaterra era o resultado das influências romanas, celtas e britânicas também. Mas a igreja, muitas das vezes, se encontrava em desacordo com a monarquia inglesa, surgindo alguns conflitos “igreja-estado”, sendo que foi a partir de um dos desses conflitos que surgiu o Anglicanismo.

O Anglicanismo é a terceira maior comunhão cristã de todo o mundo, estando atrás somente da Igreja Católica e das Igrejas Ortodoxas Orientais.

Mesmo sendo uma comunhão global, essa vertente do cristianismo possui províncias que são autônomas, onde cada uma delas possui um bispo e uma estrutura de governo. Algumas delas podem ser igrejas nacionais, enquanto outras tratam-se de um conjunto de nações, tal como é o caso da África Central. Ainda assim, elas estão ligadas e em comunhão com a Sé de Cantuária.

Origem da reforma

Essa doutrina surge como meio de apresentar a supremacia do rei, uma vez que, até então, a Igreja tinha mais poder. Inclusive, foi devido a um fato relacionado a isso que o rei Henrique VIII criou essa reforma.

Henrique VIII era casado com Catarina de Aragão, contudo, dos filhos que teve com ela apenas um sobreviveu, que foi uma filha. Mas o rei necessitava de um sucessor e como sua esposa não podia mais ter filhos, então ele decide que se divorciaria e se casaria novamente para garantir um sucessor.

O rei então passa a cortejar a dama de companhia da rainha, Ana Bolena, com quem se casaria mais tarde (quando se divorciasse de Catarina).

Contudo, o papa Clemente VII não aceita o pedido de divórcio do rei. O que Henrique III decide, então, é que seja feita a criação do Anglicanismo, através do Ato de Supremacia. Isso aconteceu no ano de 1534.

Assim, com a igreja anglicana, então o Estado teria poder acima da Igreja. E foi aí que a igreja católica romana se tornou uma igreja reformada na Inglaterra.

A reforma protestante e o surgimento de mais doutrinas

Foi a reforma protestante uma porta de entrada para muitas outras doutrinas que se desprendiam da Igreja Católica. A primeira dessas reformas surgiu no ano de 1517 na Alemanha, essa doutrina religiosa era o Luteranismo, encabeçada pelo monge católico Martinho Lutero.

Outra doutrina religiosa que surgiu tempos depois (em 1533) foi o Calvinismo, encabeçada por João Calvino.

Por fim, então surge o Anglicanismo, mas essa tinha o objetivo principal de colocar o poder do rei sobre o poder da Igreja.

Características do anglicanismo

conceito de Anglicanismo
O Anglicanismo é a terceira maior comunhão cristã de todo o mundo

A igreja anglicana tinha características similares as da igreja católica, com a adoração aos santos e a hierarquia. Mas ela passou a adotar algo do Calvinismo. Ainda, com o poder que o Estado agora possuía sobre a Igreja, então foi possível apropriar-se de terras que pertenciam à Igreja.

E as características dessa nova doutrina ajudaram ainda a conceder mais espaço para as atividades da burguesia inglesa.

Além disso, essa doutrina incluía também elementos do protestantismo.

O Anglicanismo se organiza de forma vaga na Comunhão Anglicana, que é uma das maiores denominação cristãs de todo o mundo e está presente em 165 países. Ela reconhece como seu líder nominal do arcebispo de Canterbury.

Outra das características da igreja anglicana é que a mesma permite distintas interpretações, sendo que há poucas regras mais firmes, ao contrário da Igreja Católica.

Essa igreja ainda utiliza cores para simbolizar diferentes coisas, como o uso de roupas de cor púrpura para simbolizar os reis e mostrar que eles acreditam na vida de um único e verdadeiro rei, que é Jesus Cristo. Por outro lado, os cleros usam vestes brancas para simbolizarem que a sua bondade não é o que os torna dignos de servir, senão a justiça de Jesus Cristo.

Livro de Oração Comum é o livro de preces oficial dessa doutrina. Essa compilação foi publicada em 1549 e trata-se de um material que faz a representação da independência da fé no tocante a Roma. Esse livro se originou da espiritualidade antiga na Inglaterra e traz ali a singularidade do Anglicanismo.

Citação

SOUSA, Priscila. (7 de Abril de 2022). Conceito de anglicanismo. Conceito.de. https://conceito.de/anglicanismo