Conceito de papa


Fev 20, 15

O conceito de papa tem diversos usos, podendo inclusive mudar consoante se escreve ou não com acento (papá). Pode-se tratar de uma autoridade religiosa, de comida ou, com acento na letra final, do progenitor de alguém.

No âmbito da religião, o papa é o líder da Igreja Católica. Ostenta o grão de Sumo Pontífice e é considerado um herdeiro das funções de São Pedro. Exemplos: “Não houve nenhum papa de raça negra em toda a história do catolicismo”, “O papa manifestou-se a favor da paz e pediu para acabar com a violência”, “Os funerais do papa João Paulo II foram massivos”.

Entre as funções do papa, constam a declaração de dogmas, a canonização de certas personalidades e a designação de cardinais. Cabe destacar que o papa também é a máxima autoridade do Vaticano.

Hoje em dia (Fevereiro de 2015), o papa é Francisco, um religioso argentino baptizado como Jorge Mario Bergoglio que iniciou o seu mandato em Março de 2013.

A papa, por outro lado, é a comida dos bebés. É uma forma informal de se dizer comida. A papa é geralmente moída, batida, triturada ou esmagada para ser mais fácil para os bebés comerem (ainda não conseguem mastigar por não terem dentes).

Papá, com acento agudo no segundo A, é o sinónimo coloquial de pai: “O meu papá trabalha no porto”, “Tenho muitas saudades do meu papá”, “O papá da Maria é jogador profissional de golfe”.