Conceito de práxis




Mar 03, 12 Conceito de práxis

O termo práxis provém de um termo grego e diz respeito à prática. Trata-se de um conceito que é utilizado em oposição ao de teoria. O termo costuma ser usado para fazer alusão ao processo pelo qual uma teoria passa a fazer parte da experiência vivida.

A praxis é considerada uma etapa necessária na construção de conhecimento válido. A teoria é implementada nas aulas e foca-se na abstracção intelectual; a práxis, por sua vez, ocorre a partir do momento em que essas ideias são experimentadas no mundo físico para continuar com uma contemplação reflexiva dos seus resultados.

O conceito tem uma grande importância para o marxismo. Esta corrente do pensamento sociopolítico defende que a práxis é um tipo de actividade prática própria do homem, simultaneamente objectiva e subjectiva, e que permite que o ser humano transforme a natureza e, por conseguinte, se transforme/converta a si mesmo.

Na opinião dos marxistas, a práxis faz com que o homem possa conhecer a natureza e a sociedade, tomando consciência do devir histórico. Convém ter em conta que a práxis pressupõe a conduta (o comportamento), uma vez que é o resultado de condutas prévias de outras espécimenes da espécie humana.

A práxis forma-se, portanto, a partir da interacção de sistemas culturais, históricos e sociais bastante complexos. Em última instância, o ser humano torna-se humano a partir da práxis.

Por fim, a expressão latina “mala praxis” diz respeito à negligência profissional (práticas desadequadas no exercício da profissão), sendo que a mais habitual é a negligência médica, a qual acarreta sérias consequências para a saúde e a vida dos pacientes.