Conceito.de

Conceito de boutique

A noção de boutique pertence à língua francesa, mas também é usada em nossa língua. A Real Academia Espanhola (RAE), de fato, inclui o termo em seu dicionário e o define como uma loja de roupas de moda ou itens selecionados.

Em geral, as boutiques são pequenos estabelecimentos que oferecem atendimento personalizado. As pessoas que vão a uma butique estão geralmente dispostas a pagar preços um pouco altos para acessar produtos de luxo ou que estão na moda. É comum que, em uma cidade, várias butiques estejam concentradas no mesmo bairro, tornando a área um local turístico.

Uma estilista, por exemplo, pode abrir uma butique para oferecer suas criações. Nesse caso, a estilista vende seus produtos diretamente, sem ir a um distribuidor ou a outra loja. Na boutique, ela também pode estabelecer contato direto com seus clientes e até mesmo realizar provas de roupa.

Também se designa frequentemente como boutiques os empreendimentos comerciais que optam pelo tratamento personalizado e de alta qualidade. Um hotel boutique, neste contexto, é um hotel que tem poucos quartos e oferece comodidades de luxo aos seus hóspedes. Estes hotéis não costumam pertencer a cadeias e são frequentemente atendidos pelos seus proprietários.

As livrarias que oferecem livros antigos e especializados ou edições limitadas, por outro lado, podem ser qualificadas como livrarias boutique. Como os hotéis, elas não fazem parte de grandes grupos, mas são projetos pessoais ou familiares.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (8 de Julho de 2019). Conceito de boutique. Conceito.de. https://conceito.de/boutique