Conceito.de

Conceito de cerâmica

Conhece-se como cerâmica a arte de fabricar objetos de porcelana, loiça e barro. O conceito de cerâmica (que provém do grego keramikos, “substância queimada”) permite fazer referência a essa arte, ao conjunto dos objetos produzidos, ao conhecimento científico sobre esses objetos e a tudo o que pertence ou que se relaciona com a cerâmica.

Os historiadores são da opinião de que a cerâmica surgiu durante o período neolítico, da necessidade de criar recipientes que permitissem guardar o excedente das colheitas. Essa cerâmica era moldada manualmente e era secada ao sol ou em volta do lume (de uma fogueira).

A partir da aplicação da cocção e do desenvolvimento de modelos geométricos e desenhos para a decoração dos objetos surgiu a olaria (a arte de elaborar potes de barro cozido).

Os Chineses terão sido os primeiros a aplicarem técnicas avançadas para a cocção dos objetos. Os seus conhecimentos expandiram-se primeiramente pelo mundo oriental e, posteriormente, para o Ocidente.

Existem várias técnicas e produtos vinculados à cerâmica. A porcelana, um material duro e translúcido, que tende a ser de cor branca, foi desenvolvida na China entre os séculos VII e VIII.

A terracota (“terra cozida”) é mais antiga, pois remonta ao século III a.C. Trata-se de argila modelada e cozida n o forno, geralmente utilizada para a criação de recipientes, esculturas e decorações.

A loiça (terracota envernizada ou esmaltada), o grés (moído com água e prensado para que tenha uma maior resistência) e a maiólica (que apresenta um acabamento vítreo particular) são outros materiais associados à cerâmica.

Há ainda a que se chama de cerâmica industrial e a cerâmica tradicional, sendo que a diferença entre essas duas é que a cerâmica industrial possui uma exigência maior no que diz respeito a sua conformidade.

Entre os principais elementos usados para a fabricação da cerâmica tradicional estão: o silício (quartzo), os argilominerais (mineral argiloso) e também o feldspato. Mas há casos em que há o uso também de aditivos sintéticos ou mesmo naturais.

Mas o que mais se conhece hoje é a classificação das cerâmicas em dois grupos, sendo eles:

– Cerâmica tradicional: que são aquelas utilizadas em revestimentos, tais como azulejos e ladrilhos, mas também vasos e tijolos (eles podem ser fabricados com esse tipo de cerâmica), sem contar outros tipos de objetos de olaria com menos requisitos que os da lista a seguir;

– Cerâmica avançada (com materiais de engenharia): essas usam materiais com maiores solicitações e obtidos através da mesma matéria-prima usada para a cerâmica tradicional só que essa conta com um estado de pureza maior.

Há a chamada cerâmica de revestimento que é um tipo voltado para revestimentos de ambientes, tais como cozinhas e banheiros, por exemplo. Esse tipo é obtido através da mistura de argila com outros materiais que são inorgânicos e que são queimados a temperaturas elevadas. E um dos principais motivos para o seu uso era o seu apelo decorativo e a praticidade.

Esse tipo começou a ser usado nas civilizações da Ásia e Oriente para revestimento e depois foi para a Europa, juntamente com a implantação das paredes de tijolos.

ÚLTIMAS DEFINIÇÕES

Conceito de

estrume

O primeiro significado de estrume mencionado pela Michaelis em seu Dicionário Brasileiro da Língua Portuguesa alude aos...

Conceito de

estiva

No âmbito da marinha, estiva é o processo que consiste em depositar, da forma mais conveniente, uma carga em uma embarcação....

Conceito de

estaca

Uma estaca é um pau com uma extremidade afiada. Graças a esta particularidade, é um elemento com diferentes utilizações, uma...

Conceito de

esquimó

Esquimó é o nome dado a um povo cujos membros residem na região ártica da América do Norte, Ásia e Groenlândia. De acordo...

Conceito de

arrepiante

O adjetivo arrepiante é usado para qualificar o que arrepia: ou seja, estremece, horroriza ou provoca espanto. O arrepiante gera...

Conceito de

estabelecer

O vocábulo latino “stabiliscĕre”, frequentativo de “stabilīre” que significa tornar estável. Este...

Conceito de

esqueleto

O termo grego “skeletós”, que pode traduzir-se como corpo ressequido, esqueleto chegou ao francês como...

Conceito de

esporádico

O vocábulo grego “sporadikós” que pode ser traduzido como disperso, chegou ao nosso idioma como esporádico....

ARQUIVOS