Conceito.de
Conceito de

Porcelanato

Porcelanato é um material que se utiliza para o revestimento de solos e paredes. Este produto de tipo cerâmico é fabricado a partir de uma combinação de quartzos, argilas e outros materiais, que se moldam, se prensam, se submetem a um processo de secagem e que são tratados a uma temperatura de mais de 1.300 graus centígrados.

porcelanato
Porcelanato é um material utilizado para revestimento de pisos/solos e paredes

O resultado é uma peça compacta e vitrificada, que tem uma grande resistência ao desgaste e que absorve uma quantidade muito baixa de água. Deste modo, o porcelanato apresenta vantagens que não se podem encontrar na cerâmica tradicional.

Exemplos: “Temos de escolher o porcelanato que iremos montar na casa de banho”, “Ainda não trouxeram o porcelanato, pelo que não podemos continuar com as obras de remodelação”, “Recomendaram-me o porcelanato para o revestimento do solo da cozinha”.

Os especialistas afirmam que o porcelanato tem uma resistência quase três vezes superior à cerâmica perante a ação química, ou os riscos e o desgaste em geral. Graças à ausência de poros, não só quase não absorve água, como é muito fácil de limpar pelo facto de não acumular gordura nem sujidade.

Estas características fazem que o porcelanato seja usado em espaços públicos de grande afluência/circulação, como um aeroporto ou um hospital, já que o produto tem boa durabilidade e não exige grandes esforços para a sua manutenção. A sua instalação, por outro lado, é simples: basta nivelar as peças e cimentar.

Se você tem apenas alguns segundos, leia estes pontos chave:
  • O porcelanato técnico, não esmaltado, é uma escolha popular pela sua durabilidade e resistência. É menos escorregadio do que o esmaltado, e é ideal para áreas de alto tráfego.
  • O porcelanato esmaltado tem um revestimento de esmalte que permite várias cores e padrões. Isso torna o material atraente para decoração de interiores, com a possibilidade de imitar materiais naturais.
  • O porcelanato líquido é uma inovação recente que, se aplicado corretamente, forma uma superfície lisa e brilhante sem juntas visíveis. No entanto, sua aplicação requer habilidades especializadas.
  • Existem também porcelanatos que imitam a textura de diferentes materiais, como madeira e pedra natural, oferecendo uma alternativa prática e durável sem a necessidade de manutenção significativa.

Tipos de porcelanato para diversas aplicações

Há diversos tipos de porcelanato disponíveis, cada um com características e propriedades específicas (cores, formas e desenhos muito diversos). E isso faz com que eles sejam indicados para certos tipos de aplicações.

Porcelanato técnico

O porcelanato técnico, também chamado de porcelanato não esmaltado, se trata de uma escolha popular. Sua escolha se deve a durabilidade e resistência que ele traz.

Esse tipo de porcelanato é fabricado a partir de uma mistura de argila, feldspato e outros materiais. Esses materiais são então prensados e cozidos em elevadas temperaturas.

O porcelanato técnico possui uma superfície não esmaltada, sendo então menos escorregadio do que o porcelanato esmaltado. Esse tipo é frequentemente usado em áreas de elevado tráfego, tais como cozinhas, banheiros e também áreas comerciais.

Esse é um material resistente a riscos, manchas e também a produtos de limpeza.

Porcelanato esmaltado

O porcelanato esmaltado possui na sua superfície um revestimento de esmalte decorativo (uma camada), lhe conferindo diversas cores e padrões. Isso faz com que ele seja uma excelente escolha em decoração de interiores, onde a estética tem um papel essencial.

Há como encontrar porcelanatos esmaltados que copiam materiais naturais, como mármore, granito e até madeira.

Porcelanato líquido

Existe ainda o porcelanato líquido, sendo um dos materiais mais recentes na indústria quando se trata de revestimento. O mesmo é autonivelante e se for aplicado de maneira adequada, gera então uma superfície lisa, sem juntas visíveis, e com bastante brilho.

Mas a aplicação dele exige habilidades específicas, sendo a mesma mais executada por profissionais qualificados.

Porcelanato polido

O porcelanato polido possui uma superfície bastante brilhante e refletiva, sendo ideal para áreas onde o design é prioridade. Mas é importante mencionar que a superfície polida dele pode ser bastante escorregadia se molhada, logo, não é indicado para áreas como banheiros.

Porcelanato retificado

Como o nome sugere, esse tipo de porcelanato passa por um processo de retificação. Nesse processo, as bordas dele são cortadas de maneira precisa a fim de que fiquem retas e uniformes. Isso possibilita o encaixe adequado das peças durante a instalação, com as juntas mais estreitas e um visual mais limpo.

Porcelanato com texturas

conceito de porcelanato
O porcelanato pode possuir diferentes formas, cores, texturas, etc.

Há ainda porcelanatos projetados com texturas que imitam variados materiais, como é o caso da madeira e da pedra natural. Com a aparência desejada, porém sem os desafios de manutenção do material. Esses se tratam de uma alternativa mais prática e com maior durabilidade frente aos materiais naturais.

Citação

Equipe editorial de Conceito.de. (14 de Junho de 2015). Atualizado em 6 de Setembro de 2023. Porcelanato - O que é, conceito, tipos e aplicações. Conceito.de. https://conceito.de/porcelanato