Conceito de colégio


Set 23, 13

Colégio é um termo que deriva do latim collegĭum. Este vocábulo, por sua vez, tem origem no verbo colligĕre (“reunir”). Um colégio é um estabelecimento particular de ensino, isto é, uma instituição educativa com fins lucrativos, mas que está sujeita a certos controlos e regulamentos estatais (do Estado). Exemplos: “Vou matricular o meu filho num colégio”, “Ontem, houve um roubo à entrada do colégio”, “Dizem que este é o melhor colégio da cidade”, “O João está contente porque amanhã não tem de ir para o colégio e poderá ficar a dormir até mais tarde”.

A noção de colégio é utilizada para evocar tanto o estabelecimento de ensino, o edifício em si, as aulas que lá têm lugar como os alunos que o frequentam: “A propina é bastante elevada, vamos ter de mudar de colégio”, “Pintaram o colégio e ficou como novo”.

Por outro lado, este termo também se refere ao conjunto de pessoas com igual categoria ou que pertencem a um círculo eleitoral.

Relativamente ao nível de ensino, os colégios podem dedicar-se ao ensino básico ou primário (do 1º ao 4º ano, ou da 1ª à 4ª classe), ao ensino preparatório (do 5º ao 9º ano) e ao ensino secundário (corresponde ao antigo liceu, isto é, do 10º ao 12º ano).

Um colégio militar, por outro lado, é uma instituição que se dedica à formação castrense. No caso de Portugal, por exemplo, este colégio é uma escola pública e que depende do Ministério da Defesa Nacional. Inicialmente, destinava-se aos filhos de oficiais do Exército. Hoje em dia, a admissão é permitida a filhos de civis, desde que possuam qualificações intelectuais, morais e físicas de acordo com os requisitos da instituição.

Por fim, chama-se colégio episcopal ao conjunto universal dos bispos, sob a orientação do papa.