Conceito de escola


Nov 01, 11

O termo escola deriva do latim schola e refere-se ao estabelecimento onde se dá qualquer género de instrução. Também permite fazer alusão ao ensino que se dá ou que se recebe, ao conjunto do corpo docente e discente de um mesmo estabelecimento escolar, ao método, ao estilo peculiar de cada professor/docente para ensinar, à doutrina, aos princípios e ao sistema de um autor.

Na arte, a escola define o conjunto de discípulos, seguidores/admiradores ou imitadores de uma pessoa ou da sua doutrina. O conceito permite distinguir as obras de uma determinada época ou região (por exemplo, a escola romântica).

O Estado deve garantir a educação do seu povo. Posto isto, a sua função consiste em inspeccionar e supervisionar as escolas para que funcionem correctamente e ofereçam um serviço educativo de qualidade aos seus estudantes/alunos.

Consoante as várias concepções do ensino, pode-se aqui mencionar diferentes modelos de escola: a escola selectiva (que considera haver uma cultura dominante cujos valores são aqueles que se devem transmitir), a escola compensatória (os valores da cultura dominante são os “normais” e procura compensar as falhas/deficiências para os alcançar), a escola compreensiva (destaca os valores positivos e negativos de cada cultura), a escola inclusiva (parte das capacidades de cada pessoa para transformar o meio envolvente e acaba com as desigualdades) e a escola moderna (que procura educar de forma racionalista, secular e não coercitiva).

Hoje em dia, as escolas dividem-se entre as públicas e as privadas. As primeiras encontram-se sob a alçada do Estado e são gratuitas, ao passo que as escolas privadas são administradas por particulares ou empresas, que cobram uma quota pelos serviços educativos prestados.