Conceito.de

Conceito de escola rural

Procedente do vocábulo latino “schola”, por sua vez derivada do grego “skholé”, o termo escola se refere a uma instituição onde o ensino é ministrado aos alunos. Rural, por sua vez, é um adjetivo que se refere ao campo (em oposição a urbano).

Uma escola rural, portanto, é um estabelecimento educacional que está afastado das cidades. Seus alunos são crianças que costumam morar em pequenos lugares ou cidades onde são desenvolvidas atividades agrícolas.

Os alunos passam, muitas vezes, o dia inteiro na escola rural e, em alguns casos, até passam a lá a noite. Isso se deve às grandes distâncias que podem existir entre suas residências e o estabelecimento. Ao contrário do que acontece nas cidades, no meio rural muitas vezes há incômodos para as deslocações devido à falta de meios de transporte e estradas em bom estado.

A escola rural permite o acesso à escola aos filhos dos camponeses. Dessa forma, a instituição favorece a integração social e oferece oportunidades de ascensão para quem mora em regiões afastadas. Se essas escolas não existissem, as famílias teriam que se mudar para as cidades ou os mais pequenos não teriam como frequentar as aulas.

É importante mencionar que as escolas rurais muitas vezes têm dificuldade em cumprir seu objetivo de formação. Problemas de infraestrutura, falta de professores e de alunos por questões climáticas ou trabalhos sazonais são alguns fatores que devem ser enfrentados.

Outro problema das escolas rurais é a necessidade de adequação dos conteúdos às diversas realidades regionais. O currículo de uma escola rural não pode ser igual ao de uma escola urbana, pois os alunos vêm de origens muito diferentes e enfrentam situações cotidianas diferentes.