Conceito.de

Conceito de contramão

Conduzir na direção oposta à estabelecida por uma autoridade para organizar a circulação de veículos é conduzir em contramão. Quem conduz em contramão está cometendo uma infração.

Por exemplo: “O caminhão estava avançando em contramão quando o motorista perdeu o controle e atropelou três transeuntes”, “Ontem fui multado por andar em contramão”. “Quando virei, não sabia que essa rua era em contramão, porque não havia indicação ou sinal”.

O trânsito de veículos necessita de certas regras para minimizar o risco de acidentes e promover a mobilidade. Uma das questões básicas é definir a direção das estradas (ruas, avenidas, etc.). Embora existam ruas com várias faixas, de mão única ou mão dupla, cada faixa tem um sentido de movimento. Se alguém se move na direção oposta ao sentido estabelecido, faz isso em contramão.

Suponhamos que uma avenida X tem um sentido de movimento de norte para sul. Se um automobilista tomar essa avenida e começar a se mover na direção oposta, ele irá do sul para o norte. Isso, claro, é muito arriscado, pois pode causar uma colisão frontal. É por isso que os condutores que circulam a contramão são punidos com multas ou outros tipos de sanções.

Às vezes, é necessário percorrer um determinado número de metros em contramão. Em uma estrada, é possível que um condutor que deseje ultrapassar outro se mova para a esquerda, entrando na faixa oposta, para poder acelerar. Depois de passar pelo outro veículo, terá que parar de conduzir em contramão e retornar à faixa apropriada.