Conceito.de

Conceito de bidirecional

O adjetivo bidirecional permite qualificar o que tem duas direções. Este conceito (endereço) refere-se a uma tendência, uma direção, uma orientação ou um sentido. Por exemplo: “As autoridades municipais decidiram que o Caminho do Sul é bidirecional para agilizar o trânsito”, “A discriminação é muitas vezes bidirecional: as pessoas discriminam quem normalmente as discrimina”, “O processo de integração deve ser bidirecional”.

A comunicação bidirecional é estabelecida quando os protagonistas podem enviar e receber mensagens simultaneamente. Tomemos o caso de dois amigos chamados Carlos e João, que estão falando ao telefone. Ambos podem falar quando desejarem e, por sua vez, ouvir o que o outro diz. Esta comunicação é bidirecional já que as mensagens circulam em duas direções (de Carlos para João e de João para Carlos).

É importante ter em mente que a comunicação nem sempre ocorre dessa maneira. Um jornal impresso em papel gera uma comunicação unidirecional, porque emite sua mensagem (as folhas com as notícias) sem poder receber “feedback”.

Um caminho bidirecional, por outro lado, permite a circulação simultânea em duas direções. As ruas que têm mão e contramão são bidirecionais: é possível ir para o norte ou, pelo contrário, para o sul.

Processos bidirecionais também contemplam essa dualidade. Suponha que dois países estabelecem um acordo de livre comércio. O país R, dessa forma, pode exportar seus produtos para o país S sem pagar impostos ou tarifas. Por sua vez, o país S pode exportar para o país R sem ter que pagar taxas. A exportação e importação de mercadorias livres de impostos entre as duas nações é bidirecional.