Conceito.de

Conceito de entesourar

O verbo entesourar deriva do termo tesouro: uma acumulação de coisas valiosas, como dinheiro ou joias. Entesourar, neste contexto, consiste em armazenar, colecionar, empilhar ou ter elementos que tenham um alto valor, seja econômico e/ou simbólico.

Por exemplo: “Eu agradeço por estes momentos maravilhosos que você me fez viver: eu irei entesourar esta noite para sempre”, “Eu não entendo as pessoas que querem entesourar seu dinheiro no banco a vida inteira: quando morrerem, não poderão desfrutar de sua riqueza”,” O museu anunciou que, investindo um milhão de euros e ganhando o leilão, poderá atesourar a pintura famosa em sua galeria principal”.

Uma entidade ou uma pessoa podem entesourar objetos economicamente valiosos como poupança. Esse é o caso de um homem que entesoura ações de uma empresa como fonte de riqueza. O entesouramento também pode estar ligado ao colecionismo: um jovem pode entesourar camisas de times de futebol, já que esse esporte é sua paixão.

Entesourar, no entanto, nem sempre está associado a elementos físicos ou monetários. As memórias, as emoções e os momentos vividos podem ser entesourados: isto é, “mantidos” internamente. Dessa maneira, uma mulher pode entesourar o nascimento de seu filho como o momento mais feliz de sua vida, assim como um velho entesoura suas experiências de infância em seu coração.

Outra possibilidade é entesourar objetos sem valor econômico, mas importantes a partir de uma perspectiva sentimental: um caderno de infância, um pingente de uma avó, uma caneta de um avô, etc.