Conceito.de

Conceito de escassez

A escassez é a falta ou insuficiência de algo. Quando um elemento é escasso, é pouco ou exíguo. Por exemplo: “A paralisação dos bancários gerou escassez de dinheiro na cidade”, “A escassez de certos remédios pode causar uma crise humanitária no país sul-americano”, “Há uma escassez de legumes devido às enchentes que afetam a região central da província”.

Se considerarmos o primeiro exemplo, perceberemos que a “escassez de dinheiro” refere-se à falta de notas e moedas em circulação, neste caso por conflito sindical. Quando os bancos estão fechados e o dinheiro não é reposto em caixas eletrônicos (ATMs), o dinheiro pode ser escasso. Quanto ao segundo exemplo, se faltarem medicamentos para tratar doenças e distúrbios de saúde, a situação pode levar a uma crise grave. Finalmente, o terceiro exemplo se refere a uma “escassez de legumes” causada por condições climáticas que prejudicam as plantações.

Em seu sentido mais geral, a ideia de escassez está ligada à ausência de recursos para satisfazer as necessidades básicas. Quem vive com escassez, nesse sentido, não tem acesso a alimentos, água potável, energia, etc.

Finalmente, para a economia, a escassez é uma consequência do desequilíbrio entre as necessidades ilimitadas das pessoas e os meios limitados para satisfazê-las. Se nos concentrarmos na relação de oferta e demanda, a escassez de um bem pode ser devido ao esgotamento de um recurso ou a um aumento na demanda. Uma padaria que produz 50 quilos de pão por dia e registra uma demanda de 80 quilos por dia terá uma situação de escassez antes do final de cada dia.