Conceito.de

Conceito de esporádico

O vocábulo grego “sporadikós” que pode ser traduzido como disperso, chegou ao nosso idioma como esporádico. Esporádico é o que se refere ao que é fortuito ou eventual.

Por exemplo: “O famoso escritor teve uma passagem esporádica por esta região, quando na juventude trabalhou numa vindima”, “Tínhamos algumas queixas esporádicas, mas em geral as pessoas concordam com a nossa gestão”, “Foi um romance esporádico, nunca tivemos um relacionamento formal”.

O esporádico, em suma, é algo ocasional. Não está intimamente ligado a um evento passado, nem é sua consequência; também não continua a se desenvolver no futuro.

Um indivíduo que fuma apenas alguns cigarros por mês pode ser considerado um fumante esporádico. Diferente é o caso do fumante inveterado ou frequente, que já possui esse hábito incorporado em sua rotina.

Suponhamos que um romancista assuma a presidência de uma associação de escritores por dois meses, como um substituto temporário para o presidente em exercício que sofre de doença. Quando esse homem consegue se recuperar, retoma seu cargo. O romancista que o suplantou era, enfim, presidente esporádico da instituição, uma vez que nunca havia sido e não tem intenção de sê-lo novamente no futuro.

Um ator com atuação esporádica em uma novela, por sua vez, aparece apenas em alguns capítulos. Ele não encarna um personagem com presença constante na série e quase não participa de determinada história dentro do enredo principal.

Por fim, uma pessoa que sempre se locomove em seu próprio carro pode recorrer aos serviços de um táxi esporadicamente: somente quando seu veículo avaria, o que não é frequente.